0,0 mm
27,4°C
 
Duplo homicídio
Lebon Régis assume investigação
Sargento Valdecir é enterrado em Curitibanos com honras militares
Comentários da matéria Diminuir o tamanho da letraAumentar o tamanho da letra
Caçador Online  |  07/01/2011 15:08

O inquérito policial sobre o assassinato do sargento da PM de Lebon Régis, Valdecir Alberto Ferreira, 45 anos, e do agricultor Jovane dos Santos Pires, 43 anos, será presidido em Lebon Régis, pelo delegado Arilton Zanelato. Os três homens detidos na quinta-feira com suspeita de envolvimento foram ouvidos e liberados. As armas que estavam com eles passarão por exames de balística para averiguar se foram usadas no crime.

O trio foi levado para a Delegacia por aparecerem nas gravações das câmeras de vigilância de um posto de combustíveis discutindo com as vítimas na madrugada do mesmo dia do crime, Eles foram presos pelo porte de três espingardas, dois revolveres e uma garrucha. Todos negaram participação nos assassinatos.

Saiba mais
Polícia prende três suspeitos

As novas notícias foram prestadas pela Rádio Fraiburgo, através da repórter Jucieli Baldissareli. Segundo informações do setor de investigações da Polícia Civil de Lebon Régis, a discussão no posto de combustíveis teria ocorrido entre 4h e 5h da manhã de quinta-feira (6) e não na quarta-feira a noite como foi noticiado anteriormente.

De acordo com o delegado substituto de Fraiburgo, André Luiz Bermudes, que contribui nas investigações, uma das suspeitas da polícia é que após a discussão no posto as vítimas teriam sido perseguidas de Lebon Régis até o interior de Fraiburgo, onde o crime aconteceu em uma estrada de chão.

Os corpos estavam dentro de um veículo Strada, vermelho, e foram encontrados por um morador, próximo às 7h da manhã. O local fica a 3,5 quilômetros da SC-453, que liga os dois municípios.

O revólver encontrado na cintura do agricultor baleado, Jovane Pires, estava registrado legalmente.

Sargento é sepultado em Curitibanos

As comunidades de Curitibanos e Lebon Régis estavam tristes com a morte do sargento da PM Valdecir Alberto Ferreira. A capela mortuária em Curitibanos ficou repleta de parentes e amigos do sargento. Seu sepultamento ocorreu na manhã desta sexta-feira (7) com direto a homenagem da Polícia Militar.

O sargento da PM assassinado, Valdecir Alberto Ferreira, há dois anos comandava a corporação de Lebon Régis e residia em Curitibanos, onde deixou esposa e dois filhos, um de 20 e outro de 23 anos. O sargento estava na Polícia Militar há 26 anos.


Tênis de Mesa - 24/10/2014 10:20
Abertas inscrições para 3ª Copa FMEC/Dimar Esportes
Energia - 24/10/2014 10:13
Cobalchini quer trazer usina termoelétrica para Caçador
No dia 20 de novembro o presidente da Celesc estará no município
Aviso - 23/10/2014 17:55
Comunicado Dia do Servidor Público
Defesa do Consumidor - 23/10/2014 17:28
Caso do PROCON de Caçador repercute nacionalmente
Comentários (7)
 

08/01/2011 20:30 - Adriano
Meus pesamês aos familiares!!!!!!!

08/01/2011 13:40 - marcos antonio carvalho
bom eu so tenho a lamentar este triste acontecimento que eu era bem amigo de geovane e agente lamenta muito que deus cnforme as familhas

08/01/2011 13:24 - alguem
o q é mais intrigante é de o comandante estar com esse agricultor em um lugar ermo assim , e o agricultor armado , ai tem coisa !

07/01/2011 20:32 - PM que estava na ocorr. 15º BPM Caçador
Minhas condolencias aos familiares do SGT tenham força e a mesma coragem que este tinha pois lembro me bem dele no dia aterior na ocorrencia na procura incessante pelos assaltantes. Tenham a certeza que ele esta com deus e olhando por todos os familiares e tambem por todos nos companheiros de FARDA. Força Familia.... Abraço

07/01/2011 19:07 - PM de CAÇADOR
Que deus o acompanhe sargento valdeci... e que apesar da triste neste momento dificil, que a familia se sinta orgulhosa por este bom homem, estava firme no dia anterior, junto nas buscas aos assaltantes de Caçador...

07/01/2011 17:21 - Perguntas?
O que os dois estariam fazendo a sós na mata, naquele horário? PORQUE O AGRICULTOR ESTAVA ARMADO? Qual o interesse(GRAVE) no assassinato dos dois? Se houve discusão,há testemunhas que presenciaram o dialogo?

07/01/2011 16:29 - joao osmar carvalho da silva
o meu comentario e que eu nao o conhecia bem o sargento mais o geovane eu era bem conhecido e so tenho a lamentar o opisodio e triste para os que fican eu so tenho a dizer as familhas as minhas profundas codolesas e lamentavel .........

Deixe seu comentário
Os comentários não representam a opinião do Portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Comentários com ofensas pessoais, publicitários, de cunho político e palavras de baixo calão serão excluídos.
* Identificação:
* Comentário: